Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

cenas de gaja

18
Nov05

What goes around, comes around... infelizmente...

sissi
Este vai directamente para a minha mana mais querida... repetido atrás, infelizmente continua a fazer mossa. Mas não por muito tempo, meu amor, não por muito tempo...
Miminhos ao domicílio

Minha mais querida,
nem sabes o aperto que tenho desde que te ouvi dizer a razão porque choravas. Não consigo imaginar como alijas o espírito de um excesso de censuras, ressentimentos e pequenos ódios refervidos que acumulaste ao longo da tua vida. Mas que raio de mundo este em que vivemos que nos obriga a vazar para um molde de gente ergonomicamente perfeita e nos oblitera o espírito, enregelando tudo em que tocamos?
A tua tristeza entristece-me, como me corrói pensar que te deslocas e recebes a luz da vida de maneira diferente. Mais sorumbática e tortuosa.
Não chores minha querida. Principalmente porque esses olhos verdes lindos não foram feitos para isso.
Tou por aqui, como sabes.

11 comentários

Comentar post

Pág. 2/2

Arquivo

  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2009
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2008
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2007
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2006
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2005
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2004
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D