Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cenas de gaja

05
Jun08

To whom it may concern

sissi

A pedido de várias famílias, e depois de alguns mails a questionarem, aqui fica o esclarecimento:
 

 

Eu não sou a loira Sissi que aparece na reportagem da Sábado sobre o Sexo e a Cidade. Sou morena e tenho umas mamas melhores. Também não me identifico com a personagem da Samantha, nem vivo como ela. E, obviamente, jamais apareceria numa revista afirmando que me inspiro numa personagem de filme para viver a minha própria vida. Besides, eu nem gosto assim tanto do Sexo e a Cidade.

 

Maneiras que ainda não é agora que os meus traços perfeitos são mostrados ao mundo. Em breve.

03
Jun08

A Mulher Portuguesa

sissi

E depois ainda dizem que os blogs é que são perigosos. Ora vejam só esta pérola que encontrei no site www.mulherportuguesa.com. Gosto especialmente do último pensamento, da frase derradeira que encerra este pequeno laudo comportamental.

 

 

Primeira lição: Um trabalho de pesquisa é essencial para conquistar o seu homem.

Um trabalho de pesquisa é essencial para conquistar o seu homem. Isto vai proporcionar-lhe uma identificação clara do que deseja e de quais são as suas necessidades. Convém conhecer bem os locais onde o pode achar e como.

 

Material necessário: caneta, papel e cronómetro. Comece por desenhar uma linha no meio da folha e... não, isto não se trata de aprender a desenhar em três aulas, mas siga as instruções. De um lado da folha escreva "o que quero" e do outro "o que preciso". Marque o cronómetro para dez minutos e comece com a lista dos "quero".

 

Já completou o tempo determinado? Então vamos a ver essa lista. Não se esqueceu de incluir a educação, o senso de humor, a paixão? E em relação à religião que segue? É fumador, e gosta de sair à noite?

 

Seja tão exigente e específica quanto possível. Deixe a sua mente tomar o controlo e não se preocupe se a sua lista parece um pouco infantil ou trivial, porque se lhe interessa, é de anotar, e se não interessa, por muito chique que pareça, é mesmo melhor pôr de lado, ou vai acabar a passear um Lulu.

 

Agora ocupe os outros cinco minutos a escrever a lista dos "preciso", onde coloca aquilo que não pode dispensar no seu companheiro e tente elaborar uma lista dos dez mais, um pouco como os discos mais vendidos.

 

A razão da listagem é para a ajudar a determinar o tipo de parceiro que deseja, e encontrar alguém que se insira nas suas definições do que é certo para si. A lista pode ainda ajudá-la a diferenciar entre aquelas qualidades que desejava num homem e aquelas com as quais não consegue viver. Mesmo que deseje o charme do Paulo Pires, se não suporta o fumo, não há maneira de juntar as duas coisas.

 

Ao decidir quais as qualidades que são importantes e quais não são, vai descobrir as que não está disposta a aceitar e as menos-que-perfeitas, que até pode suportar. Com as listas pode criar linhas de orientação e até imaginar o homem que colocou no papel. Existe alguém na sua vida que se insira no que deseja?

 

Lembre-se que os desejos do coração podem vir de qualquer lado, por isso não limite o seu campo, mas também não faça a lista a pensar no Harrison Ford ou no Brad Pitt, porque aí, nem o génio da lâmpada a pode ajudar.

 

Agora é altura de olhar para o seu próprio perfil. Noutras palavras, é tempo de fazer uma reflexão sobre si própria – não sobre as rugas ou defeitos, mas sobre as qualidades que possam ou não existir na lista dos "quero" e dos "preciso" que acabou de fazer.

 

Se não tem as qualidades que colocou como essenciais para o seu companheiro, acha que vai atrair um homem com essas mesmas qualidades? (Isto não se aplica se é uma beleza escultural e se sente atraída para um tipo estivador ou lutador de sumo).

 

Trabalhe para adquirir as características que estão em falta. Se quer um homem com dinheiro, tente fazer algum dinheiro por si mesma. Se procura um homem com educação, e deixou de estudar, talvez seja altura de pensar em voltar para a escola.

E lembre-se: até ser a pessoa que deseja ser, não vai conseguir atrair o homem que quer.

 

 

Pág. 2/2

Arquivo

  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2009
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2008
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2007
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2006
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2005
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2004
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D