Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

cenas de gaja

08
Ago08

Vivam as tecnologias!

sissi

Sms´s enviados para uma amiga:

 

Sissi: Querida, salva-me!

 

Amiga: Estás num date marado?

 

Sissi: Estou! Liga por favor e deixa o resto comigo.

 

Amiga: Qual é o problema desse?

 

Sissi: Nenhum. Simplesmente we don´t connect.

 

Amiga: Foda-se, mas esse não é aquele gajo lindo que se meteu contigo no Vertigo no outro dia?

 

Sissi: É mas não rende. Liga lá caralho!

 

Amiga: Já ligo. Mas conta-me o que é que está a correr mal.

 

Sissi: Epá o gajo é daqueles que se ri muito das piadas que ele próprio faz, ri-se sozinho, claro. Além de que isto não é uma conversa, ela espera apenas a vez dele de falar. É lindo, de facto, mas nem sequer dá para foder porque é demasiado auto-centrado. Já para não falar que estou a trocar sms contigo e o gajo ainda não deve ter reparado. Enfim, liga-me lá ó vaca! Agora! Pleaseeee

 

Trim Trim, Trim, Trim

 

Sissi: Olá querida!

 

Amiga: Sim vacarrona sou eu.

 

Sissi: Tu não estás bem pois não?

 

Amiga: És tão puta! Tu assim não vais longe...

 

Sissi: Mas tem calma, não chores, de certeza que a coisa se vai compôr.

 

Amiga: Vai-se compôr vai... Tu não tens emenda. De facto tens razão, és uma snob intelectual de merda. O gajo é podre e tu aí com preciosismos.

 

Sissi: Espera querida, eu vou já aí ter contigo. Não faças nada.

 

Amiga: Pois, exacto, vem, vem...

 

Sissi: Não faz mal, ele vai compreender, não te preocupes com isso, nós ainda nem tinhamos pedido. Estamos só nos drinks. Na boa.

 

Amiga: Ai porque não funciona de cabeça...tu preocupas-me Sissi...

 

Sissi: Então vá, até já.

 

Horas mais tarde, no jardim de Sissi:

 

Sissi: Tu és uma puta do caralho, foda-se, quase me desmachei!

 

Amiga: Cala-te vaca! Tu preocupas-me mesmo.

 

Sissi: Mas não há razão para isso. You win some, you loose some. É normal.

 

Amiga: Mas qual era o problema deste?

 

Sissi: Basicamente, adorava-se. Estava ali para se impressionar, para se ouvir, para se mostrar, e estava-se positivamente cagando para mim. Um pavãozito. O gajo não me fez uma única pergunta sobre mim. Tudo era a seu respeito. E depois ria-se imenso das próprias piadas, o que matou a coisa. Enfim, era muito giro mas pronto.

 

Amiga: Podias ter aproveitado e mandavas-lhe um encostão.

 

Sissi: Pois era.

 

 

5 comentários

  • Sem imagem de perfil

    ZOT 10.08.2008

    Então, virou-se o feitiço contra o feiticeiro.

    Tendo em conta o facto de estarmos no Sec XXI e a mulher estar emancipada, o pagamento das contas não tem que obedecer ao velho codigo de cavalheirismo e de responsabilidade masculina. Agora, o sol quando nasce é para todos.

    Se querem que os velhos dias de sair à pala e terem a atenção que pensam merecer, regressem, mudem-se para a provincia, onde ainda ha bastantes chances de sucesso.
  • Sem imagem de perfil

    Loira 10.08.2008

    Estimado ZOT,

    Sabe tão bem como eu, que não se trata de sair à pala! Até porque não é uma questão de economia, mas sim de educação. Continua e continuará a ser de muito mau gosto e até, em alguns casos, factor de selecção, um homem que só sabe falar dele, que não nos dá a passagem, não paga as contas e algunas cositas más. Um homem que vai sair com determinado tipo de mulher, se não percebe isto, então talvez fique a perceber quando fica pendurado e não há nada para ninguém.

    As mulheres continuam a gostar de se sentirem especiais. Concordo plenamente com a Sissi, homens assim são uma seca! Fazem sono, têm uma capacidade única de causar um adormecimento mental, uma letargia...Podem ser podres de bons, mas nadam, nadam, nadam e acabam a morrer na praia...

    Não tem nada que enganar. Boa conversa? lindo! Sentido de humor? Está no bom caminho. Dá-me passagem? Helá, gosto disto. Escolhe o vinho? Sabe o que quer. Paga a conta? Ups! Onde está o defeito? Solta um piropo aqui e ali, mas sem exageros? Quer conversa...temos auto-estrada, é sempre a abrir!

    Ainda pensa que para isto é preciso ir para o Portugal profundo? Nãaaa! Há muito por aqui mesmo.

    Bjs
  • Sem imagem de perfil

    ZOT 11.08.2008

    Loira,

    Concordo com o que disse, mas ali no Portugal profundo, que pelos visto voce não conhece, tudo isso é inato num homem que se preze, os pais educam os seus filhos de maneira a respeitarem as mulheres e serem cavalheiros. Por isso a percentagem de verdadeiros homens é maior na provincia. Se não acredita pois passe la uns tempos e vai ver. Claro que também ha muitos vaidosos, que tem comportamentos similares aos descritos pela Sissi. Tentam imitar os citadinos e caiem no erro de pensar que assim é que são bestiais e que o sucesso os espera. Provavelmente porque as mulheres provincianas, que não são diferentes das outras mulheres, também querem o que não tem, ou pensam que assim é que é ser moderno.

    Boas conversas? todos podem ter se tiverem a cabeça no seu lugar. Sentido de humor? isso é a prata da casa na provincia, não sei é se voces a gente fina é assim tão abrangente. Escolher vinhos? o vinho que eu saiba não é feito nas cidades, a não ser o vinho a martelo. Pagar a conta? seria uma enorme vergonha não o fazerem. Os empregados de mesa que põem a conta em frente a uma senhora, quando acompanhada por um homem, correm o risco de ficar sem emprego ou de serem ofendidos na hora. Piropos? como ja lhe disse, voce não conhece a provincia...

    Cumps
  • Sem imagem de perfil

    ZOT 11.08.2008

    Ah, outra coisa:

    Ha vinte anos atras ainda se dizia que Portugal era Lisboa e o resto era paisagem. Tudo bem, mas 95% dos habitantes de Lisboa eram provenientes da provincia, e a sua maior parte vinham de familias muito humildes, provavelmente com menos educação e menos posses do que aquelas que la ficaram. Nessa altura 80% dos licenciados em Portugal vinham da provincia estudar nas cidades universitarias. As familias tradicionais sempre foram da provincia, apesar de possuirem casas em Lisboa, etc. e ai fazerem a sua vida por causa dos negocios. Portanto, so apenas ha alguns a esta parte é que as cidades ultrapassaram a provincia em termos de qualidade de recursos humanos.
    Quanto a qualidades humanas, duvido que algum dia isso possa vir a acontecer.

    Cumps
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Arquivo

    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2009
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2008
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2007
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2006
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2005
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2004
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D