Terça-feira, 13 de Março de 2007
Cenas da Vida na Colina #1
Anda a pessoa a limpar o pó ao palácio novo, a colocar as pratas no lugar, os chás em posição e as sopas de Miso a verter, quando começa a ouvir uns gemidos vindos do andar de baixo. Eliminei logo os gatos com cio e o bicho da madeira e fiquei com a hipótese C: era foda e da boa.
Mudei há pouco e ainda não estou familiarizada com os vizinhos mas lembro-me do dia em que vinha de baú de sedas indianas na mão e quem me abriu a porta foi um simpático septuagenário que me informou ser o vizinho do rés-do-chão. E eu pensei: «Espera minha Sissi, princesa da colina mais bonita de Lisboa, que quem anda no esmifranço ainda antes das dez da manhã é o avô lá de baixo.» Olaré! Temos festa.
Entrei logo em animal recolector mode e consegui de imediato uma quantidade assinalável de lixo que me permitiu ter a desculpa perfeita para descer as escadas e pôr-me à escuta. Vivam os prédios de tabique!
Ora o garanhão do vizinho eram ais e uis que Zeus o dava, sons que pareciam cabeçadas na parede e outros que eram uma mistura de Darth Vader com asmático em último grau.
Estava eu agarrada à barriga à rir, quando entra a vizinha do rés-do-chão. Ou seja, a mulher do machão em causa.

«Cof, cof, ai tanto pó ando aqui em limpezas ia agora mesmo meter o lixo na rua.»

«Se precisar ajuda diga.»

Lembrei-me das cabeçadas na parede e tratei logo ali de fazer manobras de diversão para evitar o crime passional que a minha vizinha, mocetona para o seus 85 kilos bem pesados, trataria de efectuar sem delongas assim que visse o seu pisco a catrapiscar e fodengar coxa alheia.

«Olhe, por acaso, sabe como é que se faz uma Chanfana de Cabrito?»

«Oh minha amiga, isso não tem nada que saber. Mete o cabrito e blá, blá, blá...»

Por esta altura já eu rezava para que o D.Juan da Travessa se despachasse, até porque detesto Chanfana de Cabrito. Finalmente, o dito cujo vem à porta. E com ele a senhora da limpeza.

E foi assim que conheci a primeira família Poliamor.

To be continued...

publicado por sissi às 10:35 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De Poppy a 13 de Março de 2007 às 11:26
Eu era mais "Ó vizinha, olhe que estou a ouvir uns barulhos estranhos em sua casa, é melhor ir ver não vá o seu marido estar com algum problema!"
O que eu gosto de dramas de faca e alguidar...


De florence a 13 de Março de 2007 às 11:35
a faca e alguidar esta na moda vamos la
mas que a historia esta gira estabeijo beijo


De coisas a 13 de Março de 2007 às 11:35
Porque estas 'cenas' já me acompanham há tanto tempo, achei que podia aqui vir dizer-te que o "Coisas" nasceu ontem.
Não sei bem o que isto vai dar, nem por quanto tempo.
Por agora, convido-te a passar por lá quando puderes (não é preciso ires a correr porque ainda tem apenas um post... há tempo)
Uma coisa para ti!


De Alfredo a 13 de Março de 2007 às 11:38
Senhora da limpeza, concerteza tipo bundão brasileiro, e competente nos afazeres, de tal forma que levanta o simpático septuagenário.
A devida Vénia a Vossa Alteza, e felicidades no seu novo Palácio


De sissi a 13 de Março de 2007 às 11:40
Estimado Alf,
por acaso era brasileira era...:-)
Cumps


De florence a 13 de Março de 2007 às 11:43
o caro alfredo mostra conhecimento de causa
será que ja possou pelo mesmo
pergunto me eu

beijo
beijo


De cElso Raposa a 13 de Março de 2007 às 11:48
Hilariante, cara Princesa.

No seu lugar usaria os poderes que lhe reconhecemos para proporcionar à enganada igual gozo com jovem macho.

Cumps


De Alfredo a 13 de Março de 2007 às 12:05
Bem,
Vejo por aqui agumas subditas enciumadas e ressentidas.
Há que respeitar a idade, eu até propunha que Sua Alteza tirasse a limpo e pergunta-se á vizinha se recomenda a moçoila da limpeza, até porque se calhar, por amor, foi ela que a contratou, para evitar obviamente que o Sr. andasse pelas ruas a fazer disparates.

Com a devida Vénia a Vossa Alteza,

PS: Não, não sou conhecedor de causa e ainda me faltam 30 para lá chegar.


De sissi a 13 de Março de 2007 às 12:06
Estimado cElso,
ora agora é que me deu uma boa ideia. Voto na igualdade dos sexos! Vou esgrimir plano a propósito e depois venho cá contar.
cumps


De nelson anjos a 13 de Março de 2007 às 12:40
Afinal está encontrada a explicação para todo este estado de profundo abandono do Palácio: pura e simplesmente já não há Palácio. Apenas um terceiro andar em avançado estado de degradação, na Rua das Flores. Com alguns restos de veludos puídos, manchas de humidade nas paredes e, aqui e ali, água a pingar dos tetos em dias mais chuvosos. O processo de irreversível decadência encontra-se num estádio muito mais avançado do que eu supunha

Um ou outro retrato amarelecido, esquecido nas paredes, meia dúzia de trastes velhos, uns cadeirões desengonçados e um velho piano a que faltam já muitas teclas, foi tudo o que sobrou da última hasta pública feita para pagar as dívidas que se foram acumulado nos últimos tempos. É actualmente este o cenário habitado pelo espectro de uma velha princesa, em cujo rosto, carcomido pelos anos e pelas privações, sobram ainda alguns vestígios de uma beleza antiga. (Estou a ser generoso Princesa ! ... :-))

Os rumos novos que a história tomou apanharam a nobreza desprevenida. Em pouco tempo a canalha sem nome começou a enrricar e, com o ouro, o negócio da borracha e da cana, nos Brasis, vá de comprar os bens das casas nobres, vendidos agora ao desbarato para ir matando a fome e iludindo os últimos dias de preguiça dos antigos senhores. Incultos mas com muito dinheiro, foi a oportunidade para os “Zés” começaram também eles a construir palácios para satisfazer velhas ambições recalcadas.

Mas... a propósito de “Zés”: amanhã volto para vos dizer quem encontrei em Lisboa ... :-)

Princesa,

A esperança é a última coisa a morrer. Um dia destes trarei aqui uma proposta de negócio que, embora já não salve a honra do Palácio, poderá ainda salvar a honra da casa :-)

nelson


Comentar post

 
livro

livro
Sex Bomb - O terceiro livro Download gratuito

livro

livro

livro Correio da Princesa
jukebox
Jazzanova - No Use

videos



arquivos

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

subscrever rss

badge