Domingo, 22 de Outubro de 2006
TPM #19
A minha relação com a poesia não é pacífica. Concluo agora que precisei de me apaziguar para a poder compreender. Guardar o passado é dos melhores serviços que nos podemos prestar. Deix0-vos um poema de Jorge Palma. Músico por definição, poeta por direito próprio.
Dedicado a todos os que aqui vêm espalhar veneno e aos que se dão ao trabalho de me insultar via mail. Isto é o que tenho para vos oferecer.




Só por existir

Só por duvidar

Tenho duas almas em guerra

E sei que nenhuma vai ganhar

Só por ter dois sóis

Só por hesitar

Fiz a cama na encruzilhada

E chamei casa a esse lugar

E anda sempre alguém por lá

Junto à tempestade

Onde os pés não têm chão

E as mãos perdem a razão

Só por inventar

Só por destruir

Tenho as chaves do céu e do inferno

E deixo o tempo decidir

E anda sempre alguém por lá

Junto à tempestade

Onde os pés não tem chão

E as mãos perdem a razão

Só por existir

Só por duvidar

Tenho duas almas em guerra

E sei que nenhuma vai ganhar

publicado por sissi às 23:51 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De Não me Lembro a 29 de Outubro de 2006 às 07:27
Descobri o sítio via Expresso. A curiosidade compeliu-me a perscutar.
É perceptível o objectivo, o livo já cá canta, 6.º na Bertrand? Pela minnha parte não sabia que existia. Apláudo sinceramente o sucesso. Aprecio intentos bem definidos, implementação cuidada, sucesso atingido.
Mas como se vê nesta resposa, é bem fácil utilizar palavras caras, o que não significa cultura, muito menos inteligência. São os tais 95% de transpiração, 5% de inspiração. O rácio varia conforme o espécime.
Tudo isto para dizer que onde estava "apaziguar", poderia ficar "acalmar".
Parabéns pelo sucesso.


De sarita a 23 de Outubro de 2006 às 14:08
Amori, criei uma comunidade no orkut sobre o blogui, com o mesmo nome. Go forth and multiply ;)


De Sibila a 23 de Outubro de 2006 às 14:13
Querida Sissi,
Compreendo em todos os sentidos a tua revolta, assim como o proposito deste blog... uma das diferenças entre nós as duas é q tu tiveste coragem e eu não :(
Estou num momento da minha vida em que preciso de falar com alguém que me ouça sem ter ouvidos criticos... A minha vida é mais calma, mas um pouco parecida com o que tu relatas da tua... Eu sou muito incompreendida aqui... a não ser pelas minhas irmãs de coraçao que me compreendem, mas que estão longe e não me podem dar um ombro... Será que posso encontrar em ti uma amiga virtual???

Sem saber qual a tua posição à minha história, agradeço-te de coração, pq pelo menos me teres "ouvido".

Beijos de uma Sibila bem pequenina...


De Mitsukai a 23 de Outubro de 2006 às 14:42
Jorge Palma é se calhar uma das figuras mais interessantes e curiosas deste país!! Estiveste bem Sissi!!


De AV a 23 de Outubro de 2006 às 00:44
Como a minha relaçao com a poesia também não é pacifica, e a paxorra para copy paste's é pouca, só tenho a dizer isto :

És grande !

Bjos
AV


De j. a 23 de Outubro de 2006 às 00:22
"Tira a mão do queixo, não penses mais nisso
O que lá vai já deu o que tinha a dar
Quem ganhou, ganhou e usou-se disso
Quem perdeu há-de ter mais cartas para dar
E enquanto alguns fazem figura
Outros sucumbem à batota
Chega aonde tu quiseres
Mas goza bem a tua rota"
(A Gente Vai Continuar, jorge palma)

com os melhores cumprimentos


De Tamagoxi a 23 de Outubro de 2006 às 01:10
Não concordar contigo é normal nem todas as pessoas tem a mesmas ideias e pensão da mesma maneira mas ofender as pessoas só porque elas escrevem aquilo que pensão não é justo
Tu provastes a ser uma grande Mulher em ofereceres poesia a essas pessoas
Cada vez sobes mais pontos na minha considerarão


De João Ratão a 23 de Outubro de 2006 às 01:17
Esta vida de marinheiro...
Está a dar cabo de mim...


De sissi a 23 de Outubro de 2006 às 11:10
Querida Rita,
muito obrigada pela sua gentileza. Aqui vai a minha humilde sugestão: Como me tornei estúpido, Martin Page.
Um livro simples que fala do luxo que é ter uma personalidade. Directo e muito incisivo.
cumps


De A a 23 de Outubro de 2006 às 16:19
Ter duas almas em guerra não é nada bom...

Já lá estive e não gostei...

(mas ter inimigos ajuda-nos a perceber a nossa própria estirpe) - e espero que ter opiniões contrárias não seja necessariamente equivalente a ser inimigo dessa pessoa, até porque se bem se lembra de algumas das nossas rixas,não concordo com muito do que aqui leio, mas não é por isso que me considero sua inimiga...

Algumas rainhas não gostam da postura de algumas princesas, mas todas as rainhas nasceram um dia princesas...

Beijos minha cara

(o mundo precisa das suas opiniões - dê lá um pulinho ao Consultório e exprima a sua opinião se puder ou quiser - o tema é sexo)


Comentar post

 
livro

livro
Sex Bomb - O terceiro livro Download gratuito

livro

livro

livro Correio da Princesa
jukebox
Jazzanova - No Use

videos



arquivos

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

subscrever rss

badge