Quinta-feira, 11 de Maio de 2006
Hoje temos isto...
(...) when a man's only assets are the brain in his head and the tongue in his mouth, he has to think carefully before he decides to open that mouth and speaks.

Paul Auster, Brooklyn Follies


Comments anyone...?

publicado por sissi às 10:50 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De Senador a 11 de Maio de 2006 às 13:36
Cara Sissi

É preciso escolher palvras sábias para mostrar que lá dentro está algo que não é só para enfeite... Se se pudesse exibir o cérebro e assim distinguir os bons dos maus muitas casas de moda e cosmética já tinham ido à falência.

Cumps


De sissi a 11 de Maio de 2006 às 13:43
Caro Senador,
concordo em absoluto. Mas não lhe parece que há alturas em que mais vale mostrar apenas o enfeite para salvaguardar o que está lá dentro?

cumps


De Bock a 11 de Maio de 2006 às 13:48
Então, mas quando ele abre a boca é necessariamente para falar?
Acho redutor, pá.


De Senador a 11 de Maio de 2006 às 13:49
Claro que sim! Além de ser uma questão de salvaguarda pessoal, nunca se deve mostrar os trunfos todos de uma vez...
Em certas situações as pessoas deveriam ser como as bonecas russas, até se chegar ao fim há que percorrer vários níveis.

Cumps


De sissi a 11 de Maio de 2006 às 13:58
Caro Bock,
tirando os casos em que a pessoa abre a boca para comer, cantar e fazer broches, sim, é necessariamente para falar...julgo que era a isso que se referia o autor...
cumps

Caro Senador,
a que situações alude?
cumps


De Bock a 11 de Maio de 2006 às 14:03
Então e os minetes, não contam?


De Bock a 11 de Maio de 2006 às 14:18
Mas falando sério, eu cá discordo.
Por norma temos sempre que pensar antes de falar, nem que seja um pensamentozinho fugaz.

A vantagem de se ser um gajo com miolos e língua é que, caso saia disparate, e ao contrário do gajo sem miolos e sem paleio, dá a volta à questão enquanto o diabo esfrega um olho, ao passo que estoutro quando tentar remediar a situação mais não fará que enterrar-se ainda mais.


De Senador a 11 de Maio de 2006 às 14:19
Cara Sissi,

Falando apenas por mim aplico este principio a quase todas as situações, é uma questão de genética familiar, está-me no sangue. Mas abro excepções.. nomeadamente após a ingestão de uns copos de Bacalhoa ou semelhante, nessa altura deixo de dar passos e torno-me campeão em salto em cumprimento.

Cumps


De sissi a 11 de Maio de 2006 às 14:20
Caro Bock,
por outro lado, um homem com miolos controla mais facilmente aquilo que diz, logo, os disparates serão, em teoria, menos frequentes...ou não?
cumps


De Bock a 11 de Maio de 2006 às 14:22
Claro.
Mas isso é mera consequência de um fugaz pensamentozinho antes de abrir a boca. Menos disparates e mais facilmente contornáveis.


Comentar post

 
livro

livro
Sex Bomb - O terceiro livro Download gratuito

livro

livro

livro Correio da Princesa
jukebox
Jazzanova - No Use

videos



arquivos

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

subscrever rss

badge