Quinta-feira, 28 de Janeiro de 2010
Sissi no METRO - Small is ok.

 

O meu companheiro tem um pénis muito pequeno. A nossa vida corre bem, em todos os aspectos, excepto neste. Não consigo falar-lhe nesta questão, por ser delicada, mas a verdade é que não tenho prazer algum devido ao reduzido tamanho do membro. Finjo orgasmos para o proteger de algum embaraço mas cheguei a um ponto em que também devo cuidar das minhas necessidades. Como resolvo esta situação? O que fazer?
Cara leitora,
A sua situação é, de facto, delicada, mas não é desesperante. Ter um pénis pequeno é uma condição, uma característica do seu marido, mas não é uma fatalidade, nem é, seguramente, sinónimo de uma vida sexual inexistente ou insatisfatória. Até porque há muito para além do sexo do que apenas a penetração. E vivam os preliminares! É aqui que devem focar-se, na procura do prazer até ao limite máximo do orgasmo, por forma a que o momento da penetração sirva apenas para essa descarga de prazer e não para a construção do mesmo.
E por preliminares entenda tudo aquilo que lhe der prazer. Beijar e tocar são o básico, o ABC preliminar, mas não se fiquem por aí. Quanto mais inovarem menos importante será o tamanho do pénis no momento de a penetrar. Pense no que gosta realmente e peça ao seu marido que a estrague com esses mimos. Seja o uso de palavras e frases mais picantes ou recorrer a brinquedos sexuais, tudo vale. E não se esqueça do seu melhor amigo, o clítoris, esse sim, concebido apenas para dar prazer. Seja por via oral ou por estimulação manual, quanto mais tempo a leitora ou o seu marido se dedicarem a esta fonte de felicidade sexual, mais satisfatória será a penetração. Aliás, porque não ter um orgasmo durante os preliminares? Seguramente retira a tensão de uma performance bem sucedida. Boa sorte e bons preliminares…
 


publicado por sissi às 15:02 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De C. a 28 de Janeiro de 2010 às 15:42
Eu também acho que os preliminares são a chave. Outra dica, que comigo transformou esse plano da minha vida, são os exercícios do músculo vaginal. Vai ver que a penetração ganha logo outra dimensão, é muito mais agradável. :)


De semstressnaboa a 28 de Janeiro de 2010 às 16:52
Estou aparvalhado... com a resposta... parece a revista "Maria"...
Ó Sissi... atão gaja? Que te aconteceu?


De Zé das Cricas a 28 de Janeiro de 2010 às 17:46
Pois a leitora não deve abandonar o seu macho, porque ele não tem a culpa de ter um pirilau pequeno.
Em segundo lugar, convém se se consiga vir. Para tal, exprimente arranjar uns brinquedos de foda, brincar com eles primeiro e, mais importante que tudo: enfiar uma pila a pilhas na peida enquanto ele a fode.
Experimente que resulta de certeza!

http://boacricaboaqueca.blogspot.com/


De Charles a 31 de Janeiro de 2010 às 02:13
Esta questão sempre me fascinou, ora se as moças se satisfazem com os dedinhos da mão, como se podem queixar de um penis pequeno? eu acho que tem a ver com a preguiça das meninas, elas querem estar regaladas e o homem a fazer o trabalho todo, e que tal uma aulas de pompoarismo? desemvolver essa musculatura para não deixar essas pachachas froxas, e porque a queixa é do penis ser pequeno?, mas e se o problema for a vagina ser grande demais? porque o problema é do homem pode ser da mulher, aconselho a usarem o braço, se ainda houver espaço livre, o pé e a perna, se mesmo assim ouver espaço livre contratem o burro da aldeia ou o elefante do zoo :)


De Zé das Cricas a 31 de Janeiro de 2010 às 23:22
E se tudo isso não chegar, eu ofereço os préstimos do meu caralho!

http://boacricaboaqueca.blogspot.com


De Ana a 2 de Fevereiro de 2010 às 00:03
A sua é evidentemente pequena...


De Charles a 2 de Fevereiro de 2010 às 08:44
Pequena!?...grande!?... é tudo relativo, para algumas piriquitas é pequena, para outras é grande demais, tem é de encaixar bem :) mas posso dizer que está dentro dos parametros normais da estatistica peniniana mundial, se duvida podemos marcar uma "consulta" em conjunto e averiguar


De Charles a 2 de Fevereiro de 2010 às 11:06
é tudo relativo... com os labios posso isolar o clitoris e aplicar-lhe uma massagem com a lingua, com o penis não posso fazer nada disto... então e a maleablidade dos dedos? batem de longe o "zézinho, chegam a todo o lado... já o punho dá 5-0 ao diametro do pirilau :) uma cabazada... queridas se o pénis fosse assim tão importante não havia tantas lésbicas...o importante é a beleza interior, a personalidade, os afectos, o carinho, a ternura.. o sexo resolve-se fácilmente, o caracter não


De Riccardo! a 2 de Fevereiro de 2010 às 13:59
Quase fui às lágrimas.


De semstressnaboa a 2 de Fevereiro de 2010 às 16:32
Eu fui mesmo... pareço uma Maria Madalena... se fosse gaja, já me tinha apaixonado por ti...


De isso mesmo a 3 de Fevereiro de 2010 às 04:39
charles, acho que vou deixar de foder. ouvir merdas dessas todos os dias chega pra atingir o auge sexual.

e depois as mulheres é que sao pirosas... foda-se...


De Charles a 3 de Fevereiro de 2010 às 07:20
As soluções que eu disse são para complementar um penis pequeno ou para complementar o prazer da mulher e para provar que o tamanho do penis não é assim tão importante, depende da tua idade se tiveres 20 anos vais achar o que eu disse piroso, se tiveres 30...40 ja não vais achar tanto... no entanto agora percebo melhor a dificultade das mulheres em arranjar homem, elas hoje tem cursos superiores e cultivam-se intelectualmente os homens permanencem os mesmo grunhos de sempre...elas querem romance glamour inteligencia ... e quando pedem sensibilidade nao é chorar no cinema é saber dar prazer com paciência, Paul Mccartney tinha uma gaja boa mas no ultimo divorcio teve de ser hospitalizado com uma depressão profunda o sofrimento era atroz, uma gaja boa dá prazer mas se for uma filha da puta também te dá sofrimento..por isso eu disse que o caracter é importante e não só olhar para a cona cu & mamas da gaja... mas só vais perceber isto aos 35 anos se tiveres 20 continua a fornicar...a vida vai-te ensinar anyway...


De Ana a 3 de Fevereiro de 2010 às 10:33
Lindo ! Mas as coisas no sitio certo tambem dão jeito! ;)


De Zorze Zorzinelis a 4 de Fevereiro de 2010 às 02:25
E quando as gajas têm a cona lassa? O que fazer?


De maik a 7 de Maio de 2010 às 15:21
Epá, se ela tem cona lassa paciencia
tenta foder o cú.
mas olha, exprimenta foder-lhe o ouvido ou o nariz, tambem costuma de dar prazer...
tipo, mete o teu caralho no ouvido e ai fodendo´.
depois conta o k aconteceu.
fikem fixe ya.


Comentar post

 
livro

livro
Sex Bomb - O terceiro livro Download gratuito

livro

livro

livro Correio da Princesa
jukebox
Jazzanova - No Use

videos



arquivos

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

subscrever rss

badge