Sexta-feira, 13 de Fevereiro de 2009
Tim. Valentim.

O mundo vive uma crise sem precedentes e Sissi passeia. O mundo clama por ordem e Sissi pulula. O mundo pede esforço colectivo e Sissi exulta. O mundo pede rigor e contenção e Sissi esbanja boa disposição e amor. E porquê, perguntarão vocês, nobres súbditos deste reino da devassidão? Porque amanhã é Dia dos Namorados, esse dia que roça o burlesco de tão kitsch que é.

 

E ao invés de todos os outros lustros, em que Sissi amaldiçoou tão garboso evento, este ano vai comemorá-lo em grande estilo. Vai vestir o seu melhor decote, mostrar as mamas, e abanar o quadril em todas as festividades para as quais foi convidada. E foram muitas. Vai bater as pestanas com tal força que é bem capaz de isso provocar um Tsunami num qualquer oceano longínquo.

 

E a dúvida mantém-se. Estará Sissi em estertor romântico? Terá Sissi cheirado o doce odor do amor? Não, Estimados. Sissi is in love with herself e ainda não criou ninho para mais ninguém. O que não a impede de entrar nas festividades, sobretudo se elas implicarem dar festinhas nos solteiros que se amontoam nestas alturas.

 

Enfim. Is is just me, ou a vida é boa «comó caralho»?

 

PS. prometo não mais escrever na terceira pessoa, à lá Mário Jardel.



publicado por sissi às 00:42 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De Lúcio a 13 de Fevereiro de 2009 às 03:36
Er... Não sabia que era o dia dos namoros.

Valentine's Day, dia de São Valentim. Caramba, tou cozido Princesa, raios, esqueci!

Bem, olhe,aprecie, tenha uma óptima sexta-feira e faça-me o favor de a passar em excelente companhia.


De Moi a 13 de Fevereiro de 2009 às 09:44
Finalmente alguém que aprecia as festinhas da S. Valentim! Todas as festinhas, em todas as cabecinhas... I.m' there...


De Milu a 13 de Fevereiro de 2009 às 11:34
Cara Sissi!
"Being in love with ourselfs" é simplesmente fantástico! Nada de beijos a nós mesmas em frente ao espelho mas sim olhar e dizer..."F...-se! És mesmo boa"...boa em todos os aspectos! Nada de puritanismos e sim, assumir que gostamos do nosso corpinho e que estamos á vontade com ele! Que amamos o nosso intelecto e estamos á vontade em ser Bitch q.b.! Que adoramos sexo e estamos á vontade para dizer que somos uma boa foda!
Boas festas!!!...pelo corpo todo! É o que desejo a quem queira ver o dia de amanhã como mais um bom dia para gozar a vida ao máximo e não como uma obrigação de uma data comercialmente calendarizada.


De pau javardo a 13 de Fevereiro de 2009 às 12:25
cá está um bom motivo para abraçar a foda como uma religião. A q mais seguidores terá no mundo. Qual Pedro e Inês lá irei rumo à Qta das Lágrimas com uma bela porca ávida de pila. A todos um bom S. Valentim ou lá como se chama o gajo q nos patrocina a foda deste dia 14.


De Sissi a 13 de Fevereiro de 2009 às 12:30
Estimado Pau,
não é que o nome engane, porque não engana, mas porque é que todas as suas afirmações relativamente às mulheres denotam uma carga tão dramática, para não dizer, odiosa? É impressão minha?
Cumps


De pau javardo a 13 de Fevereiro de 2009 às 12:35
Doce sissi, é pura impressão sua. tenho as minhas fãs q trato como princesas e q fidelizei não por ter LSD na ponta ou outra qq droga q conduza a dependencia. Apenas pq as trato bem e cumpro no resto


De pau javardo a 13 de Fevereiro de 2009 às 12:37
ahhhh e n deixe de ver final de post anterior com sugestão de tinto para a sua noite de s valentim


De Sissi a 13 de Fevereiro de 2009 às 12:41
Fico mais descansada. A APAV já tem gente suficiente. :-)
Cumps


De pau javardo a 13 de Fevereiro de 2009 às 14:51
na boa Sissi, nunca nenhuma das princesas se queixou a APAV das minhas algemas Gucci. Saudações


De Zé do pito a 13 de Fevereiro de 2009 às 12:38
E no fim, com tantas paixões por sí própria, lá acabou a escrever sobre o dia dos namorados... Paradoxal, não é mesmo?


De Sissi a 13 de Fevereiro de 2009 às 12:40
Estimado Pito,
paradoxal? Quer elaborar?


De Zé do pito a 13 de Fevereiro de 2009 às 13:21
Posso sim, é muito simples, a Sissi afirma estar inlove consigo mesma, ora, se assim o é, para quê tanta necessidade de ir à procura dos «solteiros que se amontoam nestas alturas»?..


De Sissi a 13 de Fevereiro de 2009 às 13:29
Estimado Pito,
acho que necessidade é uma palavra desadequada. Não há nisto um vício nem uma demanda. Não vamos ser mais papistas que o Papa e o meu caro deverá saber que andamos cá todos para nos relacionarmos uns com os outros. Nesse sentido,e apesar de estar in love with myself como boa narcisista que sou, tal não me impede de me divertir e de aproveitar o que a vida tem de melhor.
Cumps


De Zé do pito a 13 de Fevereiro de 2009 às 13:30
É que sabe, somos todos humanos, e essa história de ir à caça só pela caça, com todo o simbolismo inerente à ocasião, pode ser que esteja errado, mas... Não me convence.


De Zé do pito a 13 de Fevereiro de 2009 às 13:32
Bem, a Sissi já tinha respondido, ignore portanto o meu anterior comentário e olhe, se é como diz ainda bem que assim é! Divirta-se


De Sissi a 13 de Fevereiro de 2009 às 13:34
Estimado Pito,
desafio-o a encontrar neste blog algum indício de que não sou humana. Não digo que não encontre mas o facto de foder por foder não me torna num alien. Poderá descarnar-me de alguma forma, mas garanto-lhe que por estas veias ainda corre sangue. Azul, mas sangue. :-)
Cumps


De Roger a 13 de Fevereiro de 2009 às 15:23
Vénia Sissi. Nada como fazer um elogio à LIBERDADE de cada um.

Aqui vai uma ode à mesma

Ai que prazer não parar de meter.
Ter uma cona para lamber e outra pra foder .
Lamber é marmelada, foder é uma entrada.
O cú doira com pila dura e a brisa essa de tão peidural não tem pressa.
Bicos são pincéis pintados com tinta.
Enrrabar é uma coisa em que está em distinta, a distinção entre caca e penetração funda.
Grande é a pila vazia, a canzana e as punhetas.
E melhor que tudo isto era José Pitos que não sabia nada de letras
mas não consta que tivesse algum dia de seca.


De BA a 13 de Fevereiro de 2009 às 17:42
Em homenagem ao S. Valentim, deixo aqui uma interpretação do seguinte trecho do poema de Camões:

"Amor é fogo que arde sem se ver,
é ferida que dói e não se sente,
é um contentamento descontente,
dor que desatina sem doer".

"Ah Camões, se vivesses hoje em dia,
tomarias uns antipiréticos,
uns quantos analgésicos
e Prozac para a depressão.
Comprarias um computador,
consultarias a Internet
e descobririas que essas dores que sentias,
esses calores que te abrasavam,
essas mudanças de humor repentinas,
esses desatinos sem nexo,
não eram feridas de amor,
mas somente falta de sexo!"

Cmps.


Comentar post

 
livro

livro
Sex Bomb - O terceiro livro Download gratuito

livro

livro

livro Correio da Princesa
jukebox
Jazzanova - No Use

videos



arquivos

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

subscrever rss

badge