Quarta-feira, 29 de Outubro de 2008
Sissi na FHM - Preto, Branco e Verde

Bem sei que esta edição da Bíblia é verde. Que verde é também a cor da vida e do grandioso Sporting. É, obviamente, um tom que não ofende e, pelo contrário, aconchega. Mas esta escolha de pantone fez-me laborar na seguinte questão: de que cor é o sexo? E rapidamente os meus neurónios, quais espermatozóides em missão, correram mais depressa, com aquela alegria no trabalho que só quem trata destas temáticas consegue usufruir em pleno. A conclusão foi simples. O sexo, para esta Princesa que vos escreve, é a preto e branco. E perguntam vocês: «Oh Sissi, pintora exímia de quadros sexuais, e é a preto e branco porquê?» E eu respondo: Elementar, meus caros. Porque não há macho que faça o meu sangue correr mais rápido que um preto de grande calibre, nem nenhum outro faz realçar o branco leitoso da minha pele como estes Deuses de Ébano. Logo, o sexo é a preto e branco.

 
Ao contrário do quem seguramente, estão a pensar, não é a prova de que Zeus existe, localizada algures no baixo-ventre mulato, que mais me atrai nesta espécie de macho. Piças muito grandes atrapalham o acto e fazem pequenos cortes nos cantos da boca. Definitivamente, não é por aí. O que me motiva, exorta, puxa, entusiasma, enfim, dá tesão, é a cor, nos antípodas da minha, as quais, juntas, provocam uma excitação só comparável a uma cena de sexo em cenário proibido. É uma certa noção de transgressão, de fora-da-lei, que me agrada. A convenção social de não «ser suposto» incentiva-me ainda mais.
Para além disso, o macho negro exala uma confiança na sua masculinidade e sexualidade que raramente se vê nos restantes, colocado e vivido daquela forma. E isso é uma coisa que dá confiança, que nos permite intuir, com algum grau de certeza, que o tempo passado com aquela torradinha queimada não será em vão.
 
Por esta altura, deverão estar as leitoras desta Bíblia já a pensar: «Oh Sissi, princesa do ébano sexual, e como é que fazemos para experimentar semelhante iguaria?» E eu respondo: como sempre, sentem-se e leiam.
 
Ainda não sei quem é a boa deste mês, mas tenho acompanhado com fervor o doc-reality na SIC Radical sobre o casting FHM, de seu nome A Vida e a Bela. É um registo das belas todas juntas, o que me dá vontade de mergulhar para o meio delas, entrelaçar-me por entre as carninhas rijinhas, qual Tio Patinhas prescrutando a montanha de moedas. Enfim, só coisinhas boas na Bíblia. Como de costume.


publicado por sissi às 11:24 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De provoCão a 29 de Outubro de 2008 às 14:31
:D penso o mesmo em relação às deusas do ébano. mesmo se a minha pele não tem a branca alvura da tua, gosto do contraste com pele mais escuras que a minha. e do contraste de cores, no corpo dela. o ébano do ventre e das coxas, contrastando com o rosa escuro do sexo.


De Rui a 29 de Outubro de 2008 às 14:31
Olá Sissi, há muito que acompanho os teus posts e sou mesmo leitor assíduo, mas hoje é a minha estreia a comentar no teu blog...além de que, nem sequer é um comentário, mas antes algo que está implicitamente ligado a este teu post. Por isso como achei que se adequava na perfeição, aqui vai....

http://www.metacafe.com/watch/1151813/animatrix_jue_vs_thaddeus/R/xml__efplayer?cd=299943aab2fa8e98323ced03bc447b1a00500001923965basic

Um à parte: Gosto em especial da forma como escreves e como transpões para o papel essa tua sexualidade.

Um beijo


De carlos a 29 de Outubro de 2008 às 15:29
Fixe vamos escrever sobre os nossos preconceitos, eu adoro as asiáticas até porque tem a vagina mais pequena e apertadinha, e ninguém me tira a ideia que a verdeira razão dos portuguese terem começado os descobrimentos e seguido a oriente tivesse sido aquelas chinesinhas, sim porque as portuguesas de bigode ninguém aguentava né lol ahhh o Camões sabia-a toda com aquela historia das musas, e o seu olho à pirata(bad Boy) "É uma certa noção de transgressão, de fora-da-lei, que me agrada"


De Reinaldo a 29 de Outubro de 2008 às 17:20
Estou vinte anos mais velho mas ainda faço uma perninha...


De Palop's a 29 de Outubro de 2008 às 17:23
Laura Diogo amor, à qto tempo.


De Ana I a 29 de Outubro de 2008 às 17:57
Pois é, Carlos... cada um com as suas preferências Ag isso do bigode já é parte dos mitos. A não ser, é claro, que convivas com esses espécimes raros porque não alcanças mais. Mas isso já é outra história.
Mui bela Princesa, portadora de info sexual variada que partilha lições prá vida, admito nunca ter provado tal contraste... mas vontade não falta, já que cores e aromas diferentes fazem parte do meu Top10 do tesao.
Bem haja e por muito tempo!
Cheers


De Zeca Diabo a 29 de Outubro de 2008 às 20:16
Cara Princesa, NENHUM branco? Isso se calhar também é demais...lol Também gosto de cores diferentes mas não me parece que nenhuma branca esteja à altura do desafio, penso que dentro da nossa raça há espécimes de grande categoria. Cores são para variar!! Cumprimentos


De Zé Albernaz a 29 de Outubro de 2008 às 21:24
Agora é que me ofendeu cara princesa...!!

Cumprimentos.


De Rui Villas a 30 de Outubro de 2008 às 09:51
A questão da coloração sexual pode ser vista de 3 maneiras diferentes.
1 - A coloração/contraste dos corpos: Aqui fala-se da preferência do corpo que irá de encontro ao nosso. Aqui cada um tem a sua preferência. Caracóis castanhos com tons de ruivo, tez clara e uma estética corporal tratada são a minha preferência. No entanto, um cabelo preto em olhos claros acabam por ser o sonho nunca vivido. Sendo uma pessoa que gosta de passear, já vi o meu membro enterrar-se em várias tonalidades e é certo que algumas têm mais piada que outras. Estranho ser o corpo escuro que me atrai e depois o rosa claro é o que mais me agrada.
2 - O leito. 2 corpos claros em lençóis escuros ou de cor berrante. 1 corpo moreno deitado num lençol branco como a cal. As paredes de granito da serra e a neve lá fora a cair a evidenciar o conforto da lareira. A lua a iluminar os contornos. A mim influencia-me...
3 - Figurativamente, cada cor é associada pela sociedade a um determinado estado de espírito (excepto para os adeptos de futebol). O vermelho para a paixão, o rosa para o amor, o azul para a calma, o verde para a esperança, etc. Como eu gosto do vermelho e do azul a minha cor será o lilás alternando por vezes com o roxo. No entanto, há determinadas iguarias que gosto de vez em quando e o vermelho é a cor desse momento.

PS: Já agora.. Qual é a cor da violência? Apesar de raro, não há nada como partir a casa toda de vez em quando.


De Ana Malmequer a 30 de Outubro de 2008 às 10:21
Mais próximo de ébano foi um morenaço, muito bem constituído por sinal. Ainda que sonhasse com isso durante uns anos tal não se proporcionou e hoje tenho um branco como a neve, sarapintado por todo o corpo (muitos defeitos quem o fez lhe encontrou).
Comparações? Lamento mas não as posso fazer.


Comentar post

 
livro

livro
Sex Bomb - O terceiro livro Download gratuito

livro

livro

livro Correio da Princesa
jukebox
Jazzanova - No Use

videos



arquivos

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

subscrever rss

badge