Quarta-feira, 3 de Setembro de 2008
«Ah, mas isso é porque és gaja»

Existem várias falácias sociais que o tempo se encarregou de mostrar no seu mais belo esplendor obsoleto. A minha favorita é a de que as mulheres fodem mais que os homens porque, simplesmente, são mulheres e essa condição torna tudo mais fácil.

 

Ora, desde logo uma questão me assola o espírito de criança curiosa: com quem fodem as mulheres? Porque se fodem mais que os homens das duas uma: ou há poucos homens a foder à parva ou o fufedo tende a ser a cor da nova estação.

 

O que me enerva nesta mensagem subliminar é que o facto de ser mulher deglute e desgasta a individualidade de cada uma de nós. Se uma gaja fode em quantidades apreciáveis isso mostra, antes de mais, que tem tomates para isso. Porque ao contrário do que se pensa, foder muito não traz apenas uma cabaz de coisas boas. Muitas vezes, complica-nos a vida e baralha as sinapses. Posto isto, e a não ser que ela seja um knock-out e lhe caiam gajos aos pés assim que sai da garagem, se come gajos à bruta é porque se dá ao trabalho e isso é uma coisa que é exterior à condição feminina e parte integrante do que somos e queremos enquanto pessoas.

 

É óbvio que há detalhes que podemos atribuir como padrão de um sexo ou do outro. Mas achar que fodemos mais porque nos basta abrir as pernas é a mesma coisa que insistir que o Sporting é o maior só porque a sua cor é o verde. É estúpido, redutor e prova que a interacção social é mais intrincada do que parece. Nem os gajos são uns vendidos (infelizmente...) nem as gajas estão assim tão em alta. Somos muitas e muitas a querer foder, o que baixa o valor da oferta. Mas não baixa o valor do ensejo e da vontade de entabular. Para mim as coisas continuma clarinhas como água: se quero, vou e, regra geral, fodo. E isto acontece não porque sou mulher. Acontece porque me dou ao trabalho. E porque boa, claro.

 

 



publicado por sissi às 11:51 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De ??? a 3 de Setembro de 2008 às 14:03
cara sissi

Acho que andas filosofica de mais... Estás a dar damasiada importância ao que os outros pensam.
Se queres foder fode e mais nada, ninguem tem nada a ver com isso, deves é escolher homens que optem por serem discretos, ou seja que nos fodam bem mas que depois não andem ai a gabar-se.Assim não corres o risco de depois teres surpresas desagradaveis no cabaz...

Até uma proxima


De Berto a 3 de Setembro de 2008 às 14:30
apesar de concordar, tenho de que dizer: onde andam elas?


De Sado Masok a 3 de Setembro de 2008 às 15:26
Cara Princesa
Acho que Vossa Alteza fode mais pelo facto de ser boa, do que pelo de ir á luta. Falo por mim, os homens são superficiais. Se não fosse boa não foderia tanto, por mais que tentasse. Por esta razão é que quando falamos entre nós e queremos descrever uma mulher, quase sempre é de duas maneiras ou é muito boa ou muito simpática/querida, etc, o que quer dizer que não corresponde aos critérios mínimos de exigência fisica. Em verdade se diga que o grau de exigência varia muito, mas basicamente as razões são estas. Aliás não acho que uma mulher, se for minimamente boa (certamente que no seu caso será muito boa/tesuda), tenha qualquer dificuldade em foder. As mulheres são é muito exigentes (e Vossa Alteza não será excepção)o que dificulta a procura.


De Loira a 3 de Setembro de 2008 às 17:10
Li alguns posts... gostei muito:) aquilo que todas, ou a maioria, pelo menos, pensa e nao diz...


De Loira a 3 de Setembro de 2008 às 22:22
Eh! lá...Esta Loira, não sou eu. Vivemos no reino das Marias, ok, mas não das Loiras. Fui de férias e agora chego e está cá outra? Não há imaginação para mais?

Fénix, já ando aqui nos comentários há meses, que é isto?

Voltarei com mais calma, adoro isto.

Saudades Princesa, e permita-me os caríssimos comentadores, Capitão Microondas, Riccardo, Zot, José Paiva, Menhir e claro e muito especialmente PETRUS


De carlos a 3 de Setembro de 2008 às 20:08
A sexualidade da mulher é em geral muito mais complexa do que a do homem give me a break, a Sissi é a excepção que confirma a regra, a Sissi mesmo sendo avançada para a epoca ainda tem tabus que fará a simples mulher, conheci gajas que so fodiam simulando violações para nao ficar com a culpa psicologica da foda que taras lol, somos muito diferentes o homem produz espermatozoides todos os dias, estmos prontos todos os dias a mulher ovula uma vez por mês ... a mulher com o tempo é que vai acabando com os romantismos e ficando pragmaticamente carnal, entre os 30 e os 40 é a sua epoca de ouro, comprem um jornal diário há 95% de putas para 5% de prostitutos, quando uma mulher quer foder é muito mais fácil do que para um homem ha sempre um colega de trabalho um vizinho um fuck buddy ha sempre alguem ...em relação aos homens foderem mais ou menos, é natural que um director geral todo poderoso foda muito mais do que um homem desempregado, um director tem dezenas de mulheres disponiveis, todas adoram PODER STATUS e DINHEIRO e so fodem com gajos PODEROSOSO e todas acham que vao tirar o director à esposa logo todas querem foder com ele, ha uns homens os alfa males(CHEFES) que fodem muito e os omega(EMPREGADOS) males que fodem menos, agora as mulheres desde que sejam boas fodem o que querem ... todas as relações tem com base o PODER, o poder no homem é o seu dinheiro, porque nao exitem homens desempregados poderosos lol o poder na mulher a sua beleza...e podem haver mulheres desempregadas BOAS como o milho logo sao PODEROSAS e nao sabem, estas sao as regras agora vamos jogar à guerra dos sexos lol


De riccardo a 3 de Setembro de 2008 às 21:21
Não me fodas carlos...! Estás-me agora a dizer que para ser um alfa tens que ter potes de dinheiro?! Porra meu... Há gajos endinheirados que nem servem para me coçarem os colhões quanto mais para foderem muitas gajas... Por vezes coincide, mas não faças disso uma regra!

Cumprimentos.


De carlos a 3 de Setembro de 2008 às 21:33
Sim é verdade riccardo são apenas generalizações , não é a regra geral... até porque os gajos que tem poder e fodem muito nao tem de se tornar pessoas interessantes porque nao precisam, os baixos, gordos, carecas, gagos, pitosgas, manetas, pernetas acabam por se tornar pessoas mais interessantes para chamar a atenção das gajas, e depois meus amigos nao entrem em panico so hoje com os testes de ADN feitos nos jardins zoologicos se provou que TODAS AS FEMEAS DE TODAS AS ESPECIES SAO PROMISCUAS, e a femea homo sapiens inclusa vulgo (mulher)lol, elas casam com um gajo rico ALFA MALE mas depois tem casos com o motorista o segurança o cozinheiro o padeiro o carteiro o vizinho o colega o medico o entregador de pizza o lol felizmente e graças a Deus que a mulher é promíscua e isso garante uma boa vida sexual para todos nós homens um abraço a todos os camaradas


De canina a 3 de Setembro de 2008 às 22:35
Carlos desculpa mas esqueceste-te dos jardineiros, gaja que é gaja gosta quando têm a sorte de ter um jardineiro que a faz ter pensamentos pecaminosos, e quando os põe em prática não pode ser melhor (pode ser diferente mas melhor duvido).


De carlos a 4 de Setembro de 2008 às 09:51
Pois é tens razão canina, eu peço desculpa à Ordem dos Jardineiros por esta inqualificavel falha lol


De Joaninha a 4 de Setembro de 2008 às 00:25
Pera aí... eu tenho um amigo jardineiro...
vou ligar-lhe... lol


De verde a 4 de Setembro de 2008 às 00:58
Tou fodido! Não sou chefe, não tenho dinheiro, não sou Brad Pitt, não há foda para mim?


De Capitao Microondas a 4 de Setembro de 2008 às 11:21
A verdade é que a facilidade em foder começa a desvanecer-se, mas que ainda existe uma ligeira vantagem da average jane sobre o average joe existe. Estar a aplicar esta teoria a quem tem vantagem competitiva superior (loooks, poder, brains, whatever turns one on) é falácia pois a excepção confirma a regra. No average battleground é que se vê, e a verdade é que o homem ainda pensa (mais) em foder plain & simple que a mulher, em termos gerais.

Mais ou menos cruzado com este tema, ou pelo menos mostrando que ainda existem diferenças entre homens e mulheres difíceis de contornar surge o tema de capa do Público de ontem, onde de acordo com um estudo publicado em revista científica está cientificamente provada a existência de uma variante genética que torna alguns homens mais propensos à fidelidade e ao compromisso que os outros. Mais propriamente 2 em cada 5. Ou seja 2 em cada 5 gajos são "deficientes genéticos" (comparados no texto a um bicho cujo nome diz tudo, arganaz do campo) mais capazes de ter um comportamento condizente com aquilo que as mulheres pensam querer: um macho calmo, sempre disponível e com com olhos apenas para elas uma vez enamorado.

Este estudo acaba por ser muito útil para todos pois por um lado permite à maioria alegar alguma compreensão: somos assim geneticamente, chamem-nos doentes se quiserem mas se apresentarmos o atestado médico uma vez apanhados nos lençois há que ter compreensão, pois não se pode exigir coisas impossíveis perante limitações biológicas. Somos doentes.
Já os restantes, a minoria mais atreita a um comportamento estilo lassie urbana, podem ao mesmo tempo começar a exigir investimento à cabeça para assumir compromissos contranatura que apenas desvios genéticos permitem, algo do tipo... secção de classificados de um qualquer tabloide: "Jovem modelo "arganaz do campo" aberto a negócio de casamento. 50 mil euros de entrada + prestações anuais de 25 mil euros".
Às mulheres mais convencionais sujeitas ao flagelo do gene da inveja o estudo permite pelo menos o consolo de saberem que a dificuldade em encontraram o que inexplicavelmente procuram não decorre de má vontade masculina mas sim de características biológicas tão irracionais de combater como quererem que o céu passe a ser verde.


De Dani a 4 de Setembro de 2008 às 11:44
Princesa, acordou com o pezinho real de fora!?


De vorticus a 9 de Setembro de 2008 às 13:18
hummmm... humm...hummmmm... cara Sissi... digamos que gostava só de deixar aqui a minha mensagem de apoio ás suas putas filosofias de vida... vamos mas é banalizar o sexo de tanto sexo q praticamos...em relação a este assunto... a grande dificuldade é que a realeza gosta de acasalar com a realeza...ñ falo em dinheiro mas em atracção... é preciso q as duas partes se sintam realeza... ou plebes... ou para o resto das classificações possiveis :o) e fodiemo-nos a todos como uns loucos. P.S. as portugas e os portugas ainda tem mtos aspectos culturais nos brains... fascismo oculto ou sei lá como chamar... por isso é q o acasalamento masculino á desgarrada é considerado normal e o feminimo é putanhiçe


De Miss Detective a 11 de Setembro de 2008 às 21:04
ora nem mais! ate foder dá trabalho.


Comentar post

 
livro

livro
Sex Bomb - O terceiro livro Download gratuito

livro

livro

livro Correio da Princesa
jukebox
Jazzanova - No Use

videos



arquivos

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

subscrever rss

badge