Sexta-feira, 8 de Agosto de 2008
Vivam as tecnologias!

Sms´s enviados para uma amiga:

 

Sissi: Querida, salva-me!

 

Amiga: Estás num date marado?

 

Sissi: Estou! Liga por favor e deixa o resto comigo.

 

Amiga: Qual é o problema desse?

 

Sissi: Nenhum. Simplesmente we don´t connect.

 

Amiga: Foda-se, mas esse não é aquele gajo lindo que se meteu contigo no Vertigo no outro dia?

 

Sissi: É mas não rende. Liga lá caralho!

 

Amiga: Já ligo. Mas conta-me o que é que está a correr mal.

 

Sissi: Epá o gajo é daqueles que se ri muito das piadas que ele próprio faz, ri-se sozinho, claro. Além de que isto não é uma conversa, ela espera apenas a vez dele de falar. É lindo, de facto, mas nem sequer dá para foder porque é demasiado auto-centrado. Já para não falar que estou a trocar sms contigo e o gajo ainda não deve ter reparado. Enfim, liga-me lá ó vaca! Agora! Pleaseeee

 

Trim Trim, Trim, Trim

 

Sissi: Olá querida!

 

Amiga: Sim vacarrona sou eu.

 

Sissi: Tu não estás bem pois não?

 

Amiga: És tão puta! Tu assim não vais longe...

 

Sissi: Mas tem calma, não chores, de certeza que a coisa se vai compôr.

 

Amiga: Vai-se compôr vai... Tu não tens emenda. De facto tens razão, és uma snob intelectual de merda. O gajo é podre e tu aí com preciosismos.

 

Sissi: Espera querida, eu vou já aí ter contigo. Não faças nada.

 

Amiga: Pois, exacto, vem, vem...

 

Sissi: Não faz mal, ele vai compreender, não te preocupes com isso, nós ainda nem tinhamos pedido. Estamos só nos drinks. Na boa.

 

Amiga: Ai porque não funciona de cabeça...tu preocupas-me Sissi...

 

Sissi: Então vá, até já.

 

Horas mais tarde, no jardim de Sissi:

 

Sissi: Tu és uma puta do caralho, foda-se, quase me desmachei!

 

Amiga: Cala-te vaca! Tu preocupas-me mesmo.

 

Sissi: Mas não há razão para isso. You win some, you loose some. É normal.

 

Amiga: Mas qual era o problema deste?

 

Sissi: Basicamente, adorava-se. Estava ali para se impressionar, para se ouvir, para se mostrar, e estava-se positivamente cagando para mim. Um pavãozito. O gajo não me fez uma única pergunta sobre mim. Tudo era a seu respeito. E depois ria-se imenso das próprias piadas, o que matou a coisa. Enfim, era muito giro mas pronto.

 

Amiga: Podias ter aproveitado e mandavas-lhe um encostão.

 

Sissi: Pois era.

 

 



publicado por sissi às 11:43 | link do post | adicionar aos favoritos

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

 
livro

livro
Sex Bomb - O terceiro livro Download gratuito

livro

livro

livro Correio da Princesa
jukebox
Jazzanova - No Use

videos



arquivos

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

subscrever rss

badge