Quinta-feira, 3 de Abril de 2008
Sissi Responde - A Piça

Tenho uma relação fantástica com uma mulher mais velha.

Devido à fisionomia da minha coisa e devido à educação que ela teve e muito provavelmente aos dois divórcios pelos quais já passou e que lhe levantaram uma série de receios e complexos, a relação sexual entre nós não funciona, ou seja, ela não admite outra coisa que não seja fodê-la da forma clássica. Eu até sou um gajo lavadinho, mas não há broches para ninguém, anal é para esquecer…..Picha na cona e mais nada…

Aqui levanta-se um problema. Talvez devido ao “excesso” de lubrificação dela, a minha coisa “entra e sai” sem dar por isso, o que obviamente, não havendo fricção, leva a que perca a tesão num instante e à consequente conclusão antecipada da pseudo-festa.

 

Perante este cenário, só vejo duas soluções:

Ou aumento a picha para que ela entre bem apertada e assim me proporcione mais prazer, o que não é fácil e não se faz de um dia para o outro;

Ou elimino a quantidade de lubrificante natural para que as coisas rocem doutra forma e meto areia na engrenagem;

ou então passo a ir-lhe ao cu, mas ela não deixa.

 

Pode dar-me outras soluções?

Súbdito Devidamente Identificado

Estimado Súbdito,

Pela primeira vez não tenho o que dizer e vou munir-me da sapiência de quem nos estiver a ler à laia de contribuição caridosa.

Na realidade, não vejo outra opção que não desbloquer os medos e receios da sua grande querida o que, convenhamos, é bem mais fácil e menos radical que fazer enxertos no marsápio.

O passado é uma coisa pesada com a qual viajamos. Mas não é uma fatalidade. É uma escolha. Escolhemos ser vítimas de acontecimentos a vida inteira, muitas vezes, para legitimar a falta de vontade em andar para a frente. E outras vezes escolher libertarmo-nos deles e perceber que o mundo não conspira contra nós.

Se a sua parceira não perceber isso, será complicado fugir ao padrão «piça na cona». A penetração não é a única forma de prazer e há todo um mundo por descobrir.

Ainda assim, exorto Súbditos com semelhante experiência a «botarem palavra».

 

Disclaimer: Este consultório não é profissional, como imaginam. Aqui não se resolvem problemas, conversam-se. O que terá apenas a importância que cada um de nós lhe der. As questões serão respondidas por ordem de chegada, todas as quintas-feiras. Missivas para aqui: princesa-sissi@sapo.pt



publicado por sissi às 10:28 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De arielfemea@gmail.com a 3 de Abril de 2008 às 11:29
existe aqui dois problemas
1º infelizemente as vezes o tamanho conta lool ha tamanhos diferentes... piças finas conas mais largas... o segredo pra dar a volta ta na procura da posição correcta.. experimente fodela por detras... ou ela com as pernas fechadas ela com a barriga pra cima ou mesmo de barriga para baixo... ou entao como ele propoem viole-a lool o pior é que ela vai ficar com mais excesso de lubrificaçao lool
o 2 tem a ver com metalidades... e eu pergunto me anda aqui uma gaja solteira e tesuda e com quem os relacionamentos n resultam... e uma div que n fode como deve ser tem um mancebo destes... ha mta injustiça neste mundo.... hasta


De Riccardo a 3 de Abril de 2008 às 12:40
Bom dia, boa tarde ou boa noite conforme a hora e o local onde te encontras. Ora bem, é a típica situação que eu gosto de chamar um bico d'obra. Embora concorde com alguns aspectos já frisados, principalmente quanto à troca de posições que poderá realmente ajudar bastante, eu penso que o trabalho que há a fazer nessa situação é muito mais mental do que físico. Nunca vi ninguém começar uma casa pelo telhado nem uma boa foda pela cama. Passo então a explicar, segundo me parece o que esta a acontecer é a tua querida ter algum receio da coisa, não é o tamanho nem o excesso de lubrificação nem nada disso, se existir confiança, cumplicidade, quando se entenderem com um simples olhar a coisa começa a andar melhor. Como ganhas esse entendimento perguntas tu, com coisas simples respondo eu. Situações do dia a dia em que seja necessário entendimento, e faz para que ela sinta que tu percebeste a opinião dela ao milímetro, faz com que se sinta entendida, que sinta cumplicidade da tua parte, que não haja a necessidade da fala para que se dê o entendimento. Quando isso acontecer estás no bom caminho. Uma coisa que não sei se acontecesse mas que previno desde já, NUNCA combines uma foda, fodas combinadas é como veres um jogo de football e já saberes o resultado. Conquistada essa tal mutualidade, torna o acontecimento fodal uma coisa natural (que caralho rimou..!). Quando eu digo natural é mesmo natural, nada de perguntas se te apetece ou o quer que seja, actua! Pelo pouco que conheço da situação parece-me ser esse o maior problema, e isto não passa da minha opinião.

Cumprimentos!


De Andralho a 14 de Novembro de 2008 às 00:14
A sua é das opiniões mais sensatas que já aqui li. Agora sim, é caso para dizer «é d'homem» !
Um abraço a todos, um minete a todas,
Andralho


De ZOT a 3 de Abril de 2008 às 15:57
Se não tens faca para um queijo tão duro, come-o à dentada! ja dizia o meu avo.

A solução da arielfemea é mais adequada. Experimenta todas as posições que ela deixar (lol) mas fecha-lhe as pernas para que haja mais fricção. Escolhe a que mais te seja conveniente para carregar as baterias ao animal, caso o gajo apresente sinais de esmorecimento, eheheh. Ah! e punheta de mamas? deixa?

Por outro lado, se ela fica assim tão lubrificada é sinal que tem rodas para andar. Se calhar tu é que ainda não és grande condutor, ou ainda não tens mãozinhas para a potencia da viatura. Por falar em mãos, ja ouviste dizer que: enquanto houver lingua e dedo, não ha gaja que meta medo...

Por ultimo, se nada resultar e ficares curto na mesma, manda-a foder e escolhe outra... fdx, com tanta gaja boa que ha por ai...! é preciso ter azar, apanhar logo com uma largueirona que so falta obrigar-te a ter que foder às escuras, de camisa de noite e barrete.

Cumps


De arielfemea@gmail.com a 3 de Abril de 2008 às 17:42
princesa n resiti... desculpai me mas tenho de comentar aqui o comentario do ricardo é que ainda ha mta ignorancia neste universo sexual...

foda combinada é do melhor que ha...dispara adrenalina.. tenta dizer a uma miuda de manha q vao fode la ao fim da tarde desta e daquela maneira..piquem-na durante o dia com provocaçoes que ela antes de vos chegar a casa pinga que nem uma torneira... este munda ta mto mal parado ou eu entao n pertenço a ele... hasta...



De sissi a 3 de Abril de 2008 às 18:02
Eu por acaso também não me importo com a foda marcada. Desde que haja o build up da coisa, ou seja, desde que passem o dia inteiro a dizer-me que vai ser assim e assado. E cumpram, claro.
Cumps


De laurinha a 3 de Abril de 2008 às 21:45
ora vamos lá a ver: mas a moça gosta ou nao de uma boa foda?porque isso de lubrificaçao a mais cheira-me a esturro(salvo seja).Sei por experiencia propria que isso realmente torna o piso muito escorregadio. mas o subdito com dificuldades em manter-se no sitio pode muito bem aproveitar a escorregadela para meter noutro sitio assim sem querer:oops, amor foi sem querer mas ja que esta lá....quanto a foda combinada,daquelas dadas depois de um dia bem lubrificado de palavras mais ou menos obscenas, nao ha melhor.

tenho dito
bisus bisus


De Riccardo a 4 de Abril de 2008 às 09:14
Bom dia! (para alguns pelo menos) Visto a puta da ressaca que tenho nos cornos vou só dizer que no meio desta merda toda o romântico sou eu! grande cena...!

cumps




De V a 4 de Abril de 2008 às 19:00
arielfemea olha o que fizes-te ao rapaz... es muito agressiva assusta-nos :x

:p


De Susana a 4 de Abril de 2008 às 19:22
Sinceramente, n percebo q raio de trauma pode ela ter que tenha decidido q agr é assim e mainada... 2 casamentos, só isso e mainada? O conceito de normalidade no sexo é relativo, mas se o dela é esse e o seu n, esqueça. Eu tiraria as dúvidas, experimentava (pelo menos) as outras posições, pedia-lhe, se falar n der pq fica ainda pior passava a acção, se continuasse o ai jesus partia (literalmente) pa outra.


De Riccardo a 4 de Abril de 2008 às 20:30
Não foi ela V, foi os whiskys. Não me assusto com tão pouco.

cumps.


De V a 4 de Abril de 2008 às 22:02
Claro, eu é que exagerei :)
Claro, eu é que exagerei as coisas porque achei piada ao primeiro comentaria da arielfemea e depois a resposta agressiva, so isso... Atençao nao tinha intençao de ofender nenhum dos 2!

Ainda nao disse nada que ajude o subito devidamente identificado... Sinceramente acho que e uma situaçao esquisita. Por um lado uma mulher mais velha é sempre aquela coisa, por outro... Mas se é assim tao especial para o subito, acho que deve tentar manter a relaçao com tudo o que isso implica!


Comentar post

 
livro

livro
Sex Bomb - O terceiro livro Download gratuito

livro

livro

livro Correio da Princesa
jukebox
Jazzanova - No Use

videos



arquivos

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

subscrever rss

badge