Terça-feira, 26 de Junho de 2007
EX
«Ex-comungado», «ex-cisado», «ex-cluído», ex-namorado. O que é um Ex? A ver pela forma como os tratamos muitas vezes, um ex-namorado é apenas que alguém que estava e já não está. Um fantasma de uma ópera pouco bufa, com contornos de novela venezuelana. Ou não.

Se olharmos para trás, por onde andam as pessoas por quem chorámos e a quem jurámos amor eterno? Onde está o objecto das cantigas de amor ou das canções do bandido? Depois de saírem da nossa vida, onde ficam os fiéis depositários do nosso afecto? Ficam numa finisterra algures entre o onde e o lado nenhum, tão lá ao fundo que o nosso GPS não identifica. Excepto numa situação. Precisamente aquela em que a ópera se torna realmente bufa e de ex-namorado o tenor passa a grande amigo das ocasiões aflitas.

Quantos de nós não nos enrolámos já com os ex-parceiros? Naquelas noites onde ansiamos por um colinho bom, ao qual insistimos em chamar de tesão, quantos não percorremos a lista telefónica parando, assim por acaso, num número que conhecemos de cor? E aí o que fazemos? Ligamos, fazemos conversa de circunstância, tentamos saber se há mais alguém na linha de quem está do outro lado da linha, sugerimos um encontro para «matar saudades» e aprontamo-nos para ele, de facto, prontos para matar! Conversa puxa conversa e trau! Todo lá dentro. Todo cá dentro. Voltamos a um sítio com memória e, por isso, cheio de alguma coisa, ainda que inócua. E vamos para casa, contentinhos, a pensar que nos passou a tesão, quando, no fundo, no fundo, o que gostámos mesmo foi do colinho bom daqueles momentos.

Se a foda foi boa? Apostaria o meu dinheiro que sim. Mas não era disso que tratava. Ou era?

publicado por sissi às 00:29 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De Tiago Pinhal a 26 de Junho de 2007 às 01:02
mai nada!!


De Menhir a 26 de Junho de 2007 às 08:26
Melhor que a ex só a futura ex.
Embora ache a Ex-olândia um pais perigoso para ficar, há demasiados atentados bombistas ao passado.

Bjs.


De Poppy a 26 de Junho de 2007 às 09:34
No, not for me...
Não gosto de remexer em águas passadas. O que passou passou e já estive do outro lado da barricada e não gostei: o lado onde está quem gosta de alguém que volta e meia recebe telefonemas dessas putéfias que não percebem quando uma relação terminou e não desistem nem percebem que por causa de uma foda que podem dar a qualquer gigolo podem terminar um relacionamento...
O que terminou, terminado está!
Mexer na lama? É para porcos, não para mim!


De alexa a 26 de Junho de 2007 às 09:51
Pois eu, ao contrário da Poopy, tenho que admitir que "aparentemente" tenho esse "vicio"... mas também, que posso eu fazer se uma das melhores fodas, ou mesmo a melhor que alguma vez já dei e levei, seja de um ex? E ainda por cima, para ajudar um pouco à festa, um ex que adora sexo, que não é nada conservador nem preconceituoso e que, portanto, não se chateia nada quando eu lhe ligo, pelo contrário, fica muito contente e diz-me baixinho com aquela voz rouca e muito, muito sensual: "Vamos pôr a conversa em dia, é?"
Rimos à gargalhada... é o meu melhor amigo!


De Sol a 26 de Junho de 2007 às 10:26
Nahhhh.. não gosto de "exes". O que passou , passou. Se passou e terminou, certamente bom motivo houve.

Já algumas coisas é melhor deixar sem terminação, porque ai sim, se pode voltar de consciência tranquila, já que não terminou. Raciocínio simplista e muito útil.

Se terminou, mesmo de comum acordo, eu não ligo. Restisto bravamente ;). MORRROOOO SECA!

Beijinhos, ;)



Beijinhos.


De sim.sim.oh-sim a 26 de Junho de 2007 às 13:23
Não. Não sou mulher de olhar para trás. Os meus ex são, carinhosamente ou não, colocados no dorso que envolve a minha espinha dorsal. Fazem parte da constituição do meu ser, enquanto carácter evolutivo.

Todos têm o seu lugar e o conjunto das vivências, define-me!

Na ópera da minha vida não há contra-tenores. Não gosto dese limbo, essa espécie de falsete. Venham os sopranos.

Beijos
Princesa, (vénia)


De sissi a 26 de Junho de 2007 às 13:35
Pois eu cá já dei muita bicada nos ex, até perceber porque razão o fazia. A malta pode fazer o que quiser mas eu gosto de saber que, independentemente do que faça, sei a razão porque lá estou.
cumps


De nuno a 26 de Junho de 2007 às 13:44
a grande maioria dos meus relacionamentos (e de relacionamentos q conheço) n acabam, vão acabando aos poucos. talvez pq os sentimentos n desaparecem de uma hora pá outra, vão sim desvanecendo-se no tempo.

e estar novamente com a "ex", que ainda n é definitivamente "ex" sabe bem q se farta pq nunca sabemos se esta n vai ser realmente a ultima vez de todas. há que aproveitar verdadeiramente a ocasião para a despedida já anunciada.


só qd n houver restia de sentimento é q n vale a pena "por a conversa em dia" como faz a alexa.e nessa altura ganhamos (ou n) a amizade verdadeira de uma "ex", e voltamos a combinar mais uns programinhas com a irmã da canhota, essa grd amiga...


De Xena a 26 de Junho de 2007 às 14:09
A mim faz-me impressão como é que alguém tão importante na nossa vida de repente o pode deixar de ser. Mantenho sempre uma ligação, mais ou menos ameaçada pela raiva (ou alívio) iniciais, mas que ganha consistência ao longo do tempo.
Se adoramos aquela pessoa por alguma razão foi (e não foi só cama, porque essas não "adoramos") e essa pessoa é a mesma, não mudou, a situação é que mudou. Por tudo isto gosto de os ter lá, ou seja, aqui comigo... e alguns até se tornaram óptimos amigos e colinhos saudáveis.


De ZOT a 26 de Junho de 2007 às 14:41
Eu acho-as umas incompetentes. Quem não aproveitou a minha dedicação e as oportunidades que lhes foram dadas, não lhes tenho consideração nenhuma. Preferia ir às putas do que me fazer a excomungadas. E mais, quando alguma se tenta aproximar, tenho todo o gosto de lhe relembrar o quanto estupida ela foi e o quão feliz eu estou por me ter visto livre dela. Assim sempre posso ajudar outro tipo que por ela embarque.

Cumps


Comentar post

 
livro

livro
Sex Bomb - O terceiro livro Download gratuito

livro

livro

livro Correio da Princesa
jukebox
Jazzanova - No Use

videos



arquivos

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

subscrever rss

badge